segunda-feira, 7 de junho de 2010

O que acontece quando alguém muda?
Não, não só muda, se transforma completamente?
A impressão que se tem é que naquele corpo não habita mais quem você conheceu. Outro alguém tomou seu lugar, outro alguém distante da sua realidade, da sua vida.
Aquele rosto antes tão amigável e conhecido, agora não passa de um estranho. Um estranho de toque gélido, de dizeres frios, de vida oposta a sua.
O problema não é a mudança. Todos mudamos o tempo todo, mas na maioria das vezes mudamos juntos. Às vezes alguém muda pro outro lado, e não há como acompanhar. Depois não vai mais haver espaço pra você, depois não vai mais haver vinculo com você.
Um estranho. Um estranho que de alguma forma você ainda ama, você considera, você quer bem, mas um estranho.

Nenhum comentário: